Senado e Câmara escondem informações públicas

PARANOIDE PARROT

Quando a presidenta Dilma sancionou, em 2011, a Lei de Acesso à Informação, a intenção do governo era fazer com que os órgãos públicos disponibilizassem ao público informações de interesse geral da população. A lei foi aplaudida no mundo todo como uma grande medida de transparência por parte do executivo.

Pois bem, menos de 4 anos depois, o Ministério Público Federal entra com uma ação civil pública contra as casas do povo (Câmara e Senado) requerendo o cumprimento integral da LAI. De acordo com o inquérito, as duas casas sonegam informações consideradas de interesse público. Ou seja, mais uma vez, as casas do povo desrespeitam o povo.

O MPF constatou, durante a investigação, que Câmara e Senado, contrários ao que diz a lei, só disponibilizam algumas informações relacionadas à folha de pagamento dos servidores de cargo comissionado e parlamentares por meio de requerimentos, e não de forma espontânea, em seus respectivos sites.

A postura de regular as informações que deveriam ser públicas impedem o exercício da
cidadania, garantido pela implementação da LAI, uma decisão política do governo Dilma. Exija seus direitos!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s